Microscópios permitem gravar imagens

Possibilitando a eternização de imagens visualizadas no aparelho, há 4 anos o Band adota o uso de microscópios com câmera nos laboratórios de Biologia. A necessidade dos alunos de gravar trechos do que presenciavam em sala de aula, unida à facilidade de exposição de forma coletiva do que era visto nos microscópios, justificam o investimento realizado e que até hoje dá resultados positivos no aprendizado.

Os aparelhos são dotados de alta sensibilidade de cores, controle de brilho e contraste e ajuste de dioptria, para que os alunos com miopia, astigmatismo ou hipermetropia possam enxergar os microorganismos observados sem o uso de óculos ou lentes de contato.

“A própria apostila do laboratório já acompanha exercícios em que o alunos deve esboçar aquilo o que vê no microscópio”, explica Bernardo Borrone, Técnico do Laboratório de Biologia.

Além de poder importar as imagens para o computador e assim enviá-las para consultas em casa, os alunos podem pedir ao professor para que a imagem visualizada em seu microscópio seja compartilhada com a sala, como acontece quando são encontrados organismos raros ou incomuns. “A imagem da câmera no microscópio pode facilmente ser transferida para a tela, o que permite a visualização coletiva do material analisado”, pontua Bernardo.

“Quando surgiu a necessidade de adquirirmos os microscópios com câmera, foi feita uma pesquisa no mercado para compreendermos quais modelos seriam de maior custo-benefício.

Temos os microscópios há mais de 4 anos e até hoje não precisamos fazer nenhum tipo de manutenção ou reposição de peças”, comentou.

Compartilhe:

Gripe Suína é notícia no mundo inteiro – saiba mais

Quando uma notícia começa a se espalhar, é sempre importante conhecer todos os fatos, e buscar fontes de informação confiáveis, como o site do nosso Ministério da Saúde, para poder interpretar de maneira informada as notícias que se publicam.  Para isso, aqui estão alguns dados que podem ajudar a esclarecer o que está acontecendo.

h1n1_virus_gripe_suina

O Centro de Controle e Prevenção de Doenças dos EUA (CDC, na sigla em inglês) divulgou algumas informações sobre o vírus H1N1, a chamada gripe suína , que está causando preocupação mundial após casos confirmados em México, EUA, Canadá e Espanha.

A análise do vírus sugere que ele tem uma combinação de características das gripes suína, aviária e humana. Essa versão, especificamente, não havia sido descoberta antes pelos cientistas. Mas, felizmente, a conclusão inicial é a de que o vírus se espalha mais facilmente entre os porcos, e o contágio de humano para humano não é tão comum e simples quanto o da gripe comum.

Leia a notícia completa aqui.

Vírus H1N1.

Forma de contágio (extraído do site http://pt.wikipedia.org/wiki/Gripe_su%C3%ADna)

  • O vírus da gripe suína tipicamente afeta porcos, não humanos. A maioria dos casos ocorre quando pessoas têm contato com porcos infectados ou objetos contaminados circulando entre pessoas e porcos.
  • Porcos podem ser infectados por gripes humanas ou aviárias. Quando um vírus da gripe de diferentes espécies infecta porcos, eles podem se misturar dentro do animal e novos vírus mutantes podem ser criados.
  • Porcos podem repassar vírus mutantes de volta para humanos e eles podem ser transmitidos de humanos para humanos. A transmissão entre humanos é mais difícil do que em uma gripe convencional.
  • Não há contaminação pelo consumo de carne ou produtos suínos. Cozinhar a carne de porco a 71 graus Celsius mata o vírus da gripe suína.

Para informações diretas do CDC (Center for Disease Control) sobre a gripe, visite http://www.cdc.gov/swineflu/.

Para ver estas informações traduzidas, veja a notícia http://g1.globo.com/Noticias/Ciencia/0,,MUL1099624-5603,00.html.

O que fazer para evitar o contágio?

O CDC (Centro de Prevenção e Controle de Doenças dos EUA) fez algumas recomendações para evitar a doença.

– Cubra seu nariz e boca com um lenço quando tossir ou espirrar. Jogue no lixo o lenço após o uso.

–  Lave suas mãos constantemente com água e sabão, especialmente depois de tossir ou espirrar. Produtos à base de álcool para limpar as mãos também são efetivos.

– Evite tocar seus olhos, nariz ou boca. Os germes se espalham deste modo.

– Evite contato próximo com pessoas doentes.

– Se você ficar doente, fique em casa e limite o contato com outros, para evitar infectá-los.

Compartilhe:

Novos microscópios com câmera digital mostram imagens de um admirável pequeno mundo

O laboratório de Biologia ganhou novos microscópios com câmeras digitais que permitem a captura de imagens diretamente do que é observado nas lâminas. Com isso, alunos e professores agora podem guardar as imagens e até vídeos do que estão observando. Hoje os alunos da 8a série puderam ver projetado o movimento dos pequenos protozoários que estavam estudando. Veja alguns exemplos:

imagem feita pelo microscópio digital

microscópio acoplado ao laptop no Laboratório de Biologia

os novos microscópios (5 por laboratório)

Compartilhe: